Sua empresa

VW Fábrica Anchieta celebra 60 anos e 14 milhões de veículos produzidos

Unidade de São Bernardo do Campo tem trajetória marcada por pioneirismo e inovações
Por: Assessoria de imprensa       18/11/2019

No mundo todo, é reconhecida como a primeira fábrica da Volkswagen construída fora da Alemanha. No Brasil, é sempre lembrada como a unidade responsável pela produção de modelos icônicos da marca, que fazem parte da vida de pessoas de diferentes gerações. As duas informações refletem a relevância histórica da unidade Anchieta da Volkswagen, em São Bernardo do Campo, que hoje comemora 60 anos desde a sua inauguração oficial, no dia 18 de novembro de 1959. A data foi eternizada com a foto clássica do Presidente da República, Juscelino Kubitschek, desfilando no banco de trás do Fusca preto conversível e acenando para as pessoas, acompanhado dos presidentes da Volkswagen alemã, Heinrich Nordhoff, e brasileira, Friedrich Schultz-Wenk.

Além da data histórica, a Anchieta celebra também a expressiva marca de 14 milhões de veículos produzidos. Os números alcançados em seis décadas reforçam a importância da fábrica, que começou a ser construída em 1956, entrou em funcionamento em 1957, se tornou referência e revolucionou o setor automobilístico brasileiro. A Anchieta é considerada um complexo industrial completo por abrigar atividades como Estamparia, Armação, Pintura, Montagem Final, Centro de Pesquisa, Planejamento e Desenvolvimento de Novos Produtos.

Fábrica Anchieta


 

Sucesso desde o início

Mais de oito mil unidades do Fusca produzidas na Anchieta foram emplacadas já em 1959, ano da inauguração, um volume muito acima das duas mil unidades vendidas entre 1953 e 1957, quando o modelo vinha da Alemanha, juntamente com a Kombi, para ser montado no bairro do Ipiranga, em São Paulo.

Fusca e Kombi em produção
Fusca e Kombi em produção

A partir de 1962, o Fusca, que viria a alcançar a marca de 1 milhão de unidades produzidas em 1972, já era líder de vendas do mercado brasileiro, posição que manteria por 24 anos consecutivos.

linha de montagem do fusca
Fusca na linha de montagem

A fábrica foi responsável também pela produção de diversos modelos que marcaram presença, ao longo dos anos, nas ruas e garagens dos brasileiros, assim como em mais de uma centena de países que receberam modelos Volkswagen exportados a partir de 1970. Entre os carros icônicos feitos em São Bernardo do Campo, além de Fusca e Kombi, estão: Karmann-Ghia, VW 1600, VW 1600 TL, Variant, SP1, SP2, Brasília, Passat, Gol, Voyage, Saveiro, Parati, Santana e Polo, entre outros. Atualmente, a fábrica produz Novo Polo, Virtus, Saveiro e Saveiro Cross.

Foto de divulgação da linha VW 1975
Foto de divulgação da linha VW 1975

O início da década de 1970 marcou também a inauguração na Anchieta do Laboratório de Segurança Veicular, levando a Volkswagen a ser a primeira empresa a realizar crash-tests no Brasil. Essa importante área, que viria ser ampliada e modernizada em 2015, contribuiria para a Volkswagen ser hoje a empresa com o maior número de modelos com nota máxima na proteção para adultos no ranking do Latin NCAP (New Car Assessment Program).


Continua depois da publicidade


 

Nova Anchieta

Outro momento marcante que simboliza o caráter pioneiro da fábrica em São Bernardo do Campo ocorreu no início dos anos 2000, quando foi inaugurada a linha de montagem do Polo, carro de plataforma mundial. A chamada ‘Nova Anchieta’, que recebeu à época investimentos de R$ 2 bilhões, era equipada com as mais avançadas tecnologias e modernos processos de produção para a época, incluindo 400 robôs, solda a laser e pintura automatizada.

A fábrica Anchieta se tornava assim, em 2002, uma das mais modernas unidades do mundo, apta a produzir carros com os mesmos padrões de qualidade exigidos pelos principais mercados mundiais. O Polo era inovador em inúmeros aspectos, como design, conforto, tecnologia, qualidade dos materiais e acabamento.

 

Nova Volkswagen

De 1959 para cá, muita coisa mudou. Mas o DNA de pioneirismo e inovação tecnológica da unidade do ABC foi mantido. A Anchieta foi a fábrica escolhida, há pouco mais de dois anos, como o ponto de partida para o processo de construção da chamada Nova Volkswagen, uma empresa ainda mais próxima e conectada com seus públicos.

Era o início de um amplo processo de transformação cultural, apoiado na maior ofensiva de produtos da história da Volkswagen do Brasil, iniciada com o Novo Polo, no final de 2017, e o Virtus, no início de 2018, ambos fabricados nas linhas de produção da Anchieta.

Esses dois modelos levaram a Anchieta a ser a primeira fábrica da marca a produzir carros no País a partir da estratégia modular MQB, o conceito mais moderno de produção adotado pelas empresas do Grupo Volkswagen em todo o mundo. Para isso, a fábrica recebeu modernizações na Estamparia, Armação, Pintura e Montagem Final, assim como nas áreas de Planejamento, Infraestrutura, TI e Logística, com foco na aplicação de inovações da Indústria 4.0.

Indústria 4.0

"A Volkswagen tem um compromisso de longo prazo com o Brasil e com os brasileiros. De alguma forma, essa relação é ainda mais próxima de São Bernardo do Campo, cidade que abrigou a primeira fábrica da Volkswagen fora da Alemanha. Temos também uma relação de muita proximidade com as pessoas. Na Anchieta, temos casos de família de até três gerações de pessoas que trabalham ou já trabalharam na Volkswagen", destaca Mario Rodrigues, Diretor da Unidade de Produção Anchieta.
 

O futuro: New Urban Coupé

Em agosto deste ano, a Volkswagen anunciou o investimento de R$ 2,4 bilhões destinados a um novo lançamento em 2020, incluindo também aportes em digitalização, sistemas de TI e inovações tecnológicas na unidade. O novo produto a ser fabricado na Anchieta, o conceito inédito New Urban Coupé, é um modelo 100% projetado no Brasil, que tem grande potencial para exportação. Além da Anchieta, o modelo será produzido também na Europa, o que, na prática, representa a globalização da tecnologia e do conhecimento desenvolvidos no Brasil.

O New Urban Coupé vai inaugurar um novo segmento no mercado brasileiro e terá novidades que certamente vão atrair e conquistar ainda mais clientes para a marca Volkswagen, como o design, que traz esportividade aliada a uma posição de dirigir mais elevada, um estilo oferecido hoje apenas em modelos de segmentos premium. Ele introduzirá também no mercado brasileiro um novo sistema de infotainment com usabilidade intuitiva e alto nível de conectividade e personalização, totalmente desenvolvido no Brasil, que congrega os sistemas de áudio, conectividade e multimídia do veículo.
 

Digitalização

Os investimentos em Digitalização, parte crucial na estratégia da Nova Volkswagen, estão acelerando os processos e mudando a experiência dos clientes com a marca. O New Urban Coupé está sendo desenvolvido desde o início com as ferramentas e processos de digitalização mais avançados disponíveis na fábrica Anchieta. O design totalmente digitalizado permite agilidade nas possíveis alterações nas linhas do carro, seguindo as necessidades apontadas em clínicas com os clientes.

Laboratório de Protótipo Virtual da fábrica Anchieta
Laboratório de Protótipo Virtual da fábrica Anchieta

Já o Laboratório de Protótipo Virtual, criado de forma pioneira na Anchieta em abril de 2019, permitiu acelerar o tempo de desenvolvimento do New Urban Coupé em quase um ano. Ferramentas de Indústria 4.0, como impressoras 3D e processos digitalizados, com alto nível de automação e inteligência artificial, integram a produção do novo veículo.

protótipo virtual
Protótipo virtual


 

Referência na formação profissional

Além de produzir carros há mais de seis décadas, a fábrica Anchieta também é referência na qualificação de trabalhadores brasileiros. O Centro de Formação Profissional Volkswagen SENAI, localizado dentro da unidade de São Bernardo do Campo, já contribuiu com a capacitação técnica de mais de 6.500 jovens desde sua fundação, em 1973. Desse total, 90% seguiu carreira na empresa. Em média, o SENAI treina 114 estudantes por ano.

A escola foi pioneira ao implantar na indústria brasileira a metodologia de ensino dual alemã, que alia a teoria à prática. A Volkswagen também foi a primeira empresa do País a oferecer no SENAI o curso de Mecatrônica com padrão de ensino alemão. Criado em 2016, com o mesmo nível de qualificação da Alemanha, o curso de Mecatrônica oferece diploma reconhecido pela Confederação Alemã das Câmaras de Comércio e Indústria (DIHK). O Sistema de Ensino Dual é resultado de uma parceria entre Volkswagen do Brasil, Governo da Alemanha e Câmara de Comércio e Indústria Brasil - Alemanha (AHK).
 

Linha do Tempo na Anchieta:
 

  • 1959: Inaugurada oficialmente a unidade Anchieta, em São Bernardo do Campo
  • 1965: Inauguração do Centro de Desenvolvimento, Pesquisa e Design na Anchieta
  • 1967: Volkswagen chega ao patamar de meio milhão de unidades produzidas
  • 1968: Produção do Sedã 1600 quatro portas
  • 1969: Produção da Variant
  • 1970: Milionésimo Volkswagen brasileiro é produzido (VW Sedan 1300); Início das exportações
  • 1971: Inauguração do Laboratório de Segurança Veicular Primeira empresa a realizar crash tests no Brasil
  • 1973: Fundação do Centro de Formação Profissional Volkswagen SENAI
  • 1973: Início da produção da Brasília
  • 1977: Primeira fábrica no Brasil a inaugurar um Laboratório de Emissões
  • 1982: Início da produção da Saveiro
  • 1984: Introdução dos primeiros robôs na linha de montagem, para produção de Santana
  • 1986: Fusca deixa de ser produzido
  • 1993: Retomada da produção do Fusca
  • 1994: Início da produção do Novo Gol na fábrica Anchieta
  • 1996: Certificação ISO 9001
  • 2001: Fábrica Anchieta comemora a produção de 10 milhões de veículos
  • 2002: Inauguração da Nova Anchieta para produção do Polo
  • 2005: Anchieta recebe certificação ISO 14.001 (Sistema de Gestão Ambiental)
  • 2014: Marco histórico de 13 milhões de veículos produzidos
  • 2016: Anchieta inicia a produção de Novo Gol e a Nova Saveiro
  • 2017: Início da Nova Volkswagen com a produção do Novo Polo
  • 2018: Início da produção do Virtus, 1º carro da América Latina com inteligência artificial. Anchieta recebe a certificação ISO 50001 (Sistema de Gestão de Energia)
  • 2019: Inauguração do Laboratório de Protótipo Virtual e anúncio da produção do New Urban Coupé

 

Sobre a Volkswagen do Brasil

Com 66 anos de presença na vida, no coração e na garagem dos brasileiros, a Volkswagen vive um momento único no Brasil. Nasce uma Nova Volkswagen, estratégia que prevê a maior ofensiva de produtos da marca no País, com 20 lançamentos até 2020, fruto de um investimento de R$ 7 bilhões.
A Volkswagen, que tem o maior portfólio de produtos no País, acumula conquistas expressivas: é a maior produtora, com 23 milhões de veículos fabricados, e a maior exportadora da história no Brasil, com 3,9 milhões de carros embarcados. Somos 15 mil empregados, atuando em quatro fábricas, um centro de peças e escritórios regionais em todo o País com a missão de oferecer a melhor experiência de mobilidade para melhorar a vida das pessoas.

Comentários

 


Notícias Relacionados

Conectividade está impulsionando a produtividade na indústria - Imagem: Reprodução
Inovação e Processos

Conectividade está impulsionando a produtividade na indústria

A tecnologia na indústria 4.0 vem para transformar a cadeia produtiva, maximizando a utilização dos ambientes digitais nesse processo
Volkswagen investe R$ 110 milhões na produção de caminhões elétricos - Imagem: Divulgação
Mercado

Volkswagen investe R$ 110 milhões na produção de caminhões elétricos

Veículos estão sendo testados em São Paulo na entrega de bebidas pela Ambev e produção em série começará em 2020


Publicidade »

Publicidade »