O papel dos profissionais de Metrologia e Instrumentação na garantia de dados de qualidade para Indústria 4.0

A transformação digital traz uma mudança de paradigma para a área e exige uma adequação de quem atua nela.

Por: Gabriela Pederneiras 28/09/2020  

O conceito 4.0 vem mudando muitos processos dentro da indústria e na área de metrologia e instrumentação não poderia ser diferente. A transformação digital em curso trouxe conceitos como machine learning, internet das coisas, gêmeo digital, data science para o cotidiano dos profissionais que atuam nesse setor.

Além disso, paquímetros e multímetros também estão sendo substituídos por tecnologias mais modernas, como sensores inteligentes e supervisórios integrados. As inovações visam melhorar a capacidade de captação, monitoramento e análise de grandes quantidades de dados que servirão de subsídio para a tomada de decisão mais estratégica. 

De acordo com  Miguel Byrg Demay, pesquisador e coordenador de projetos na Fundação CERTI, em um artigo publicado no site da instituição, a adoção dessas tecnologias no cotidiano de quem atua com metrologia e instrumentação representa, acima de tudo, uma  mudança de paradigma. “Há uma mudança em curso que impactará na forma habitual de olhar para as medições. O grande interesse de quem deseja medir algo deixa de ser o mensurando em si e passa a ser a informação que pode ser obtida a partir do sinal adquirido. A atividade de medição passa a ser então motivada pelo desejo de se conhecer o comportamento de processos e sistemas, e não apenas para verificar o estado de certa variável ou a adequação a normas.”, ressalta o especialista. 

Dados e qualidade

Tendo em vista esse novo papel do uso de dados,  é crucial que os profissionais garantam sua qualidade, para evitar quaisquer desvios nas análises e, por consequência, nas tomadas de decisão. Por muitas vezes, sensores e tecnologias que entregam dados de alto nível têm custo elevado, por isso, as indústrias tendem a optar por soluções mais em conta, porém que apresentam pequenas inconsistências.


Continua depois da publicidade


Os profissionais, portanto, precisam ser treinados para mapear e entender esses desvios, a fim de munir os sistemas apenas com os dados realmente confiáveis. Assim,  os analistas poderão trabalhar em cima de informações de qualidade e condizentes com a realidade.

Tendo isso em vista, é importante que nas indústrias as estratégias de medição de dados na área de metrologia e instrumentação  sejam mapeadas e determinadas antes mesmo da adoção da tecnologia em si. Dessa forma os profissionais podem ser treinados para mapear possíveis desvios e olhar para as informações de forma estratégica. Tão importante como a adesão à transformação digital, portanto, é a preparação para a chegada dela nas indústrias. 

Instrumentação e metrologia

Com as mudanças em curso, o papel de sistemas de medição, aquisição e tratamento dos dados  será de crucial importância. Assim, os profissionais da área de instrumentação e metrologia precisarão se  especializar nessas tarefas para passar informações relevantes e de qualidade para os analistas; garantir que os dados sejam confiáveis; e, dessa forma, garantir uma tomada de decisão estratégica pela empresa.  A indústria 4.0, portanto, precisará da expertise desses profissionais para poder funcionar sem desvios.

Gostou? Então compartilhe:


Comentários

Jornalista/ Redatora/ Assessora de Imprensa