Artigos

Brasil pode levar 100 anos para atingir a Indústria 4.0 por completo

Empresas que investirem em automação saem na frente em seu mercado de atuação
13/11/2019
Apesar de ser um assunto comum atualmente, a tecnologia da Indústria 4.0 ainda é pouco utilizada no Brasil, que está longe de aproveitar todas as inovações digitais existentes.

Um relatório do SEBRAE revelou que para igualar o Brasil à capacidade robótica da Alemanha – que está entre os 10 líderes digitais em todo o mundo -, seria preciso instalar 165 mil robôs nas indústrias brasileiras. No ritmo atual, cerca de 1,5 mil robôs teriam que ser instalados por ano, o que levaria mais de 100 anos para alcançar o país europeu.

Portanto, apostar em tecnologia neste momento em que muitas empresas conhecem, mas poucas investem, pode caracterizar-se como pulo do gato para as que buscam sair na frente e ganhar competitividade em seu mercado de atuação.

Entre os aspectos mais recentes na indústria e que trazem grande retorno financeiro está a robotização. “Os sistemas robotizados consistem em operações realizadas por robôs ou outros equipamentos programáveis, os quais substituem total ou em parte operações realizadas por humanos, nos mais diversos setores industriais, com o objetivo de aumentar sua produtividade e eficiência”, explica Emanuel Santette, Engenheiro de Automação da DATEC, empresa especializada em projetos de robótica e automação.


Continua depois da publicidade


De acordo com o Engenheiro, a automação de uma linha de produção traz diversos benefícios para as indústrias: conduz a um aumento de velocidade de operação, elevada versatilidade de produtos, flexibilidade e confiabilidade nas operações. Possui ainda como característica um baixo custo de manutenção dos equipamentos. “Isso faz com que as empresas que buscam pela utilização de tais tecnologias tornem-se mais competitivas em  seu mercado”, completa.

Isso sem contar que estes sistemas apresentam uma série de benefícios para os operadores, eliminando problemas de saúde como esforço ou movimentos repetitivos, e para o processo em si, garantindo maior precisão, confiabilidade, aumento da produção, eficiência nos processos e ganhos operacionais e logísticos.

"Automação é o melhor investimento a médio e longo prazo e com retorno garantido para as empresas. E o momento de investir é agora, em que muitas empresas ainda mantêm seu processo de produção convencional", conclui Emanuel. 

Calcula-se que sejam investidos US$ 15 trilhões nos próximos 15 anos em todo o mundo em automação de processos. 

Produzido por:

Datec

A Datec é uma empresa do Grupo Soma Sul especializada em projetos em Codificação Industrial, Inspeção de Produtos e Automação Industrial. Fornece soluções de máquinas e dispositivos especiais para automação em diversos segmentos, atendendo a necessidade de cada cliente, com projetos personalizados. Sua sede fica localizada em Chapecó (SC), e mantém unidades nas cidades de Valinhos (SP) e Curitiba (PR).


Comentários

 


Artigos Relacionados

Biologia sintética na Indústria 4.0 - Imagem: Internet
Artigos

Biologia sintética na Indústria 4.0

A transformação de micro-organismos otimiza processos fabris ao passo que cria novas matérias-primas e otimiza processos

Publicidade »

Publicidade »


Diferenças e características dos processos de marcação utilizando arco plasma


Publicidade »

Publicidade »