Curiosidades

Check Point faz parceria global com a Coursera para cursos on-line gratuitos de cibersegurança

Série de aprendizado on-line sobre cibersegurança, orquestração e gerenciamento de segurança de rede corporativa para aprimorar habilidades dos profissionais na área.
09/07/2020

A Check Point Software Technologies, uma fornecedora líder global de soluções de cibersegurança, anuncia nova parceria com a Coursera , uma plataforma de aprendizado on-line líder mundial com mais de 62 milhões de alunos. A parceria oferecerá uma série crescente de cursos e conteúdo de cibersegurança da Check Point para profissionais de segurança e rede.

A série de cursos Check Point Jump Start já está disponível na plataforma Coursera, incluindo o Brasil. O objetivo destes cursos é aprimorar os administradores de segurança e TI em ciberameaças, bem como em orquestração da segurança (tecnologia que integra diversas ferramentas e sistemas de segurança) e gerenciamento em redes corporativas de médio e grande portes. Em breve, a série será ampliada com disponibilidade de cursos de segurança na nuvem voltados para especialistas em DevOps e DevSecOps.

A parceria com a Coursera destaca ainda mais o compromisso da Check Point em prover educação e treinamento contínuos aos profissionais que já trabalham em cibersegurança, bem como àqueles que desejam iniciar uma carreira no setor. Em março deste ano, a Check Point anunciou que a 100ª instituição acadêmica aderiu a o seu programa SecureAcademy , que oferece um currículo abrangente de cibersegurança para os alunos, com cursos disponíveis em mais de 100 universidades em 40 países. Todos os cursos são gratuitos para atrair mais pessoas para o setor, ajudando a reduzir a lacuna de profissionais com habilidades em segurança. Pesquisas recentes mostram que o número atual de posições de cibersegurança não preenchidas no mercado é de 4,07 milhões de profissionais em todo o mundo, em comparação aos 2,93 milhões no ano passado.


Continua depois da publicidade


"Se quisermos fechar a lacuna global de profissionais com habilidades em cibersegurança, precisamos facilitar o acesso a materiais de aprendizagem aos profissionais e estudantes para ajudá-los a expandir seus conhecimentos em seu próprio ritmo e de acordo com suas necessidades", diz Shay Solomon, diretor de treinamento de desenvolvimento de negócios da Check Point Software Technologies. "A parceria com a Coursera é um passo fundamental para nos ajudar a realizar isso. Combinado com nossas iniciativas, como o SecureAcademy, esta parceria nos permitirá acelerar ainda mais a educação formal em cibersegurança e o desenvolvimento profissional para estudantes de todos os níveis."

A Check Point também oferece treinamento em CloudGuard Cyber-Range . Esses cursos promovem treinamento imersivo em cibersegurança em ambientes simulados por meio da plataforma flexível em nuvem Cyber Range, proporcionando um ambiente de aprendizado envolvente e de gamificação. O treinamento é totalmente adaptável às necessidades dos usuários com "debriefing" (ferramenta para potencializar a aprendizagem por meio da experiência) integrado e rastreamento de progressão.A Check Point Software Technologies, uma fornecedora líder global de soluções de cibersegurança, anuncia hoje uma nova parceria com a Coursera , uma plataforma de aprendizado on-line líder mundial com mais de 62 milhões de alunos. A parceria oferecerá uma série crescente de cursos e conteúdo de cibersegurança da Check Point para profissionais de segurança e rede.

A série de cursos Check Point Jump Start já está disponível na plataforma Coursera, incluindo o Brasil. O objetivo destes cursos é aprimorar os administradores de segurança e TI em ciberameaças, bem como em orquestração da segurança (tecnologia que integra diversas ferramentas e sistemas de segurança) e gerenciamento em redes corporativas de médio e grande portes. Em breve, a série será ampliada com disponibilidade de cursos de segurança na nuvem voltados para especialistas em DevOps e DevSecOps.

A parceria com a Coursera destaca ainda mais o compromisso da Check Point em prover educação e treinamento contínuos aos profissionais que já trabalham em cibersegurança, bem como àqueles que desejam iniciar uma carreira no setor. Em março deste ano, a Check Point anunciou que a 100ª instituição acadêmica aderiu a o seu programa SecureAcademy , que oferece um currículo abrangente de cibersegurança para os alunos, com cursos disponíveis em mais de 100 universidades em 40 países. Todos os cursos são gratuitos para atrair mais pessoas para o setor, ajudando a reduzir a lacuna de profissionais com habilidades em segurança. Pesquisas recentes mostram que o número atual de posições de cibersegurança não preenchidas no mercado é de 4,07 milhões de profissionais em todo o mundo, em comparação aos 2,93 milhões no ano passado.

"Se quisermos fechar a lacuna global de profissionais com habilidades em cibersegurança, precisamos facilitar o acesso a materiais de aprendizagem aos profissionais e estudantes para ajudá-los a expandir seus conhecimentos em seu próprio ritmo e de acordo com suas necessidades", diz Shay Solomon, diretor de treinamento de desenvolvimento de negócios da Check Point Software Technologies. "A parceria com a Coursera é um passo fundamental para nos ajudar a realizar isso. Combinado com nossas iniciativas, como o SecureAcademy, esta parceria nos permitirá acelerar ainda mais a educação formal em cibersegurança e o desenvolvimento profissional para estudantes de todos os níveis."

A Check Point também oferece treinamento em CloudGuard Cyber-Range . Esses cursos promovem treinamento imersivo em cibersegurança em ambientes simulados por meio da plataforma flexível em nuvem Cyber Range, proporcionando um ambiente de aprendizado envolvente e de gamificação. O treinamento é totalmente adaptável às necessidades dos usuários com "debriefing" (ferramenta para potencializar a aprendizagem por meio da experiência) integrado e rastreamento de progressão.

Produzido por:


Comentários

 


Artigos Relacionados


Logística 4.0: O Gêmeo Digital, uma nova fase da logística

A Logística está adotando os conceitos da Industria 4.0 e iniciando uma nova fase, a Logística 4.0.